Search

7 de abril: Dia do Jornalismo

O primeiro jornal do mundo foi o Acta Diurna, de Júlio César, imperador romano, que pretendia avisar a população sobre fatos políticos e eventos.
Google plus

 

O jornalismo tem a função de informar a população (Foto: Divulgação)

O Dia do Jornalismo foi instituído pela Associação Brasileira de Imprensa em homenagem a João Batista Líbero Badaró, médico e jornalista, que morreu assassinado por inimigos políticos, na cidade de São Paulo, em 22 de novembro de 1830. No entanto, a data é comemorada no dia 7 de abril, graças a um movimento popular gerado pela morte do comunicador, que fez com que de D. Pedro I abdicasse de seu posto em 7 de abril de 1831. Um século depois, em 1931, em homenagem a esse acontecimento, o dia 7 de abril foi instituído como o “Dia do Jornalista e do Jornalismo, no Brasil.

O jornal mais antigo de que se tem notícia é o “Acta Diurna”, que surgiu por volta de 59 A.C., com o intuito de seguir a ordem de Júlio César, que pretendia informar a população sobre os fatos sociais e políticos ocorridos no império, como por exemplo, campanhas militares e julgamentos de prisioneiros. As notícias da época eram colocadas em placas grandes, expostas em locais acessíveis ao público.

A censura acompanha a história do jornalismo (Foto: Divulgação)

Mas foi na Europa Ocidental, a partir do século XVII, que o primeiro periódico foi lançado, “O Avisa Relation oder Zeitung”, surgido na Alemanha em 1609. Depois foi a vez do “London Gazette”, lançado em 1665. O jornal ainda circula, porém como publicação oficial do Judiciário. Somente a partir do século XVII, os jornais passariam a publicar fatos de interesse popular, porém a censura não permitia que tudo fosse noticiado. Na Suécia, em 1.766, surgiu a primeira lei de imprensa, contra a censura.

A queda do diploma do jornalista gera muita polêmica (Foto: divulgação)

No Brasil, durante a ditadura militar alguns jornais foram ocupados pelo regime, por publicarem fatos contra o governo militar. Jornalistas foram mortos e publicações foram tiradas de circulação. Antes de se noticiar qualquer evento era necessário passar pela censura. Foram tempos difíceis para o jornalismo, que mesmo reprimido tentava fazer o seu papel de terceiro poder.

Em 2009, o diploma acadêmico deixou de ser obrigatório para a prática da profissão, o que não significa que os veículos de comunicação não exijam tal conteúdo. O assunto ainda causa polêmica, sendo que para concursos públicos, em sua maioria, ser formado em jornalismo é obrigatório para exercer algumas funções. Aproveite essa data especial para valorizar a liberdade de imprensa e parabenizar os jornalistas que todos os dias prezam pela boa informação.


Google plus


Compartilhe suas ideias! Deixe um comentário...

Antes de enviar um comentário, verifique seu conteúdo. Comentários que violem os Termos de Uso e Condições de Navegação do Portal mundo das Tribos e as leis em vigor poderão ser removidos pelo Portal Mundo das Tribos, sem prejuízo da adoção das medidas legais cabíveis pelo Portal.

Política de privacidade
Termos de uso e condições do site


Top